Avaliação de entrevista de seleção: aprenda como fazer com 8 dicas

entrevista de seleção
7 minutos para ler

A avaliação de entrevista de seleção é uma das tarefas que mais exigem atenção do setor de Recursos Humanos. Afinal, uma decisão equivocada pode não apenas prejudicar o desempenho de uma unidade da empresa, mas de toda a corporação.

Sendo assim, é muito importante buscar conhecimento a respeito de boas práticas para entrevistar um candidato, a fim de ter mais condições de escolher aquele que está mais alinhado com o cargo oferecido.

No caso de muitos jovens, esse é o primeiro contato com o mundo corporativo. Isso deve ser levado em consideração no processo seletivo e na adaptação à cultura da empresa.

Neste artigo, destacamos oito dicas para a escolha do estagiário ser feita dentro dos melhores padrões do mercado. Confira!

1. Escolha a modalidade de entrevista

Na hora de selecionar um estagiário ou trainee, é fundamental que o processo de entrevista seja planejado e adequado às necessidades da instituição. Pensando nisso, vamos apontar algumas modalidades para o RH interagir com o candidato:

  • entrevistas individuais — o candidato é questionado pelos avaliadores a partir das informações coletadas no currículo, com a intenção de confirmar as habilidades mencionadas ou descobrir outras aptidões;
  • entrevistas prévias — são realizadas por telefone, em muitos casos, para fazer uma avaliação inicial do candidato (dependendo da performance, ele pode ser chamado para outras etapas da seleção);
  • entrevistas comportamentais — avaliam a postura e ajudam a verificar se o participante do processo seletivo pode ou não se adaptar à cultura organizacional;
  • entrevistas técnicas — priorizam verificar se o estudante ou profissional tem conhecimento técnico para exercer a vaga disponibilizada.

Pode-se adotar mais de uma modalidade de interação para escolher o candidato. Isso exige que a avaliação de entrevista de seleção seja feita com bastante critério, para o processo seletivo apresentar bons resultados.

2. Elabore um roteiro

A montagem de um roteiro com perguntas é uma maneira de a equipe do Recursos Humanos ter mais segurança para executar a entrevista, que é uma das etapas do processo de contratação mais importantes.

Com os questionamentos adequados e estruturados, maiores são as chances de coletar informações valiosas sobre os candidatos. Essa medida contribui para a avaliação de entrevista de seleção ser feita de forma correta.

É importante sempre procurar analisar se o roteiro de perguntas está ajudando a obter dados sobre os futuros colaboradores. Portanto, é recomendado fazer uma revisão periódica do questionário para as entrevistas serem ricas e valiosas para a tomada de decisão.

3. Divulgue a vaga de maneira completa

Não adianta usar diversos meios de comunicação para anunciar a contratação de estagiários. Por exemplo, uma empresa divulga o processo seletivo em vários sites para encontrar estágios, mas não coloca informações essenciais, como carga horária e o período (manhã ou tarde) em que as atividades serão realizadas.

Nesse caso, uma comunicação ruim pode afastar vários candidatos qualificados para ocuparem a vaga. Isso torna a tarefa de avaliação de entrevista de seleção ainda mais complicada, porque os recrutadores deverão ter muito cuidado para checarem se o estudante está apto ou não para atuar na empresa.

4. Selecione os currículos com atenção

Estamos falando de uma fase que requisita uma avaliação criteriosa para a empresa ser mais ágil na escolha do futuro colaborador. Hoje, há opções de recrutamento online que contribuem para a rapidez e a eficácia do processo seletivo.

A tecnologia tem sido uma aliada crucial para diversos segmentos alcançarem um rendimento acima da média. Empregar bem os recursos tecnológicos propicia uma vantagem competitiva. Então, o RH precisa estar atento às tendências do mercado para ser mais estratégico e efetivo na busca por novos talentos.

Powered by Rock Convert

5. Crie um ambiente confortável e seguro

É importante que os candidatos fiquem à vontade para apresentarem ideias e tirarem dúvidas sobre o processo seletivo. Para tanto, é fundamental que o ambiente onde as dinâmicas e as entrevistas serão realizadas esteja organizado e limpo.

Uma empresa devidamente estruturada causa uma boa impressão nos candidatos, que ficam mais seguros para responderem aos questionamentos. Dessa forma, o RH tem mais condições de fazer uma avaliação de entrevista de seleção, considerando o modo de agir e pensar dos concorrentes às vagas.

Essa fórmula também serve para a dupla MEI e estágio. Afinal, um microempreendedor individual pode contar com a ajuda de estagiários, mas precisa ouvir os candidatos com atenção, antes de decidir quem escolher.

6. Avalie o candidato desde o primeiro contato

Entender o comportamento da geração Z no mercado de trabalho é um desafio constante para os recrutadores. Para compreender melhor o comportamento dos futuros colaboradores, uma medida interessante é analisar a postura do candidato desde o primeiro contato.

Ou seja, é recomendado avaliar como a pessoa insere as informações no currículo, conversa ao telefone, apresenta os pontos de vista e responde às dúvidas dos entrevistadores.

Se o candidato causar uma boa impressão de imediato, é indicado se empenhar para conhecê-lo melhor. Esse esforço ajuda a fazer uma avaliação de entrevista de seleção mais atenta e com menos riscos de erro.

7. Tenha uma escuta ativa e fale menos

O processo seletivo deve ser feito para o candidato expressar opiniões e mostrar como é capaz de contribuir para a organização atingir um rendimento mais expressivo nos próximos anos.

Como um recrutador deve agir para realizar essa etapa com mais calma e eficiência? A resposta consiste em ouvir muito e falar o extremamente necessário. Caso não tenha essa postura, ele corre o risco de falhar na escolha, o que pode prejudicar o ambiente de trabalho e a produtividade da equipe.

O ideal é demonstrar um interesse genuíno em ouvir o candidato e deixá-lo à vontade para manifestar opiniões e tirar dúvidas sobre a empresa. Esse procedimento é indispensável para gerar empatia e confiança entre as partes.

8. Faça simulações para observar as habilidades

É possível um candidato apresentar uma boa oralidade, mas ter dificuldades de exercer as demandas na prática. Para constatar se o pretendente a uma vaga na sua empresa é realmente qualificado, crie situações que simulem o dia a dia no ambiente de trabalho.

Dessa maneira, é viável constatar se o candidato é mesmo capaz de contribuir para o melhor desempenho institucional. Essa iniciativa é válida para tornar a avaliação de entrevista de seleção mais completa e eficaz.

Por fim, para contar com mais pretendentes qualificados para vagas de estágio, vale a pena conhecer o trabalho da Estagiarios.com. Oferecemos consultoria sobre a Lei do Estágio, divulgação de vagas, formalização da contratação, emissão do seguro obrigatório, entre outros serviços para ajudar você a selecionar pessoas ideias para o seu negócio. Tudo com ótimo custo-benefício para empresas e profissionais liberais!

Agora que você já sabe como fazer avaliação de entrevista de seleção, que tal firmar uma parceria de sucesso para atingir ótimos resultados no seu empreendimento? Entre em contato conosco!

Powered by Rock Convert
seguro de estágioPowered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.