Depois de ingressar na universidade, o que muitos estudantes esperam é conseguir seu primeiro estágio. Diversos cursos permitem estagiar desde os primeiros semestres, enquanto alguns outros somente quando o estudante já está bem avançado no curso.

Em todo caso, a experiência é vantajosa para adquirir conhecimento sobre a área e aumentar a bagagem para enfrentar o mercado de trabalho, que é bastante concorrido. Contudo, a conquista do primeiro estágio pode ser um grande desafio.

Se você quer alcançar esse objetivo, continue a leitura e veja algumas atitudes que podem ajudar!

1. Prepare o currículo com muita atenção

O currículo é absolutamente indispensável mesmo para uma vaga de estágio. No entanto, na hora de prepará-lo, muitos jovens ficam inseguros, já que têm pouca ou mesmo nenhuma experiência.

Os recrutadores sabem que os estudantes não apresentam vasta experiência profissional. Sendo assim, não se desespere nessa etapa. Aqui, a dica é valorizar todos os seus feitos. Você pode incluir, entre outros diferenciais:

  • projetos desenvolvidos na universidade;
  • cursos extracurriculares;
  • atividades voluntárias;
  • intercâmbios;
  • vivência em empresa ou agência júnior.

Busque em sua trajetória tudo o que pode agregar para sua carreira profissional. É válido lembrar que uma vida acadêmica bem aproveitada já conta como experiência e demonstra proatividade para o mercado. 

Quando chegar o momento da entrevista, procure demonstrar suas realizações e experiências acadêmicas e como elas contribuíram para seu desenvolvimento profissional. 

Outro ponto importante é caprichar na montagem do currículo. Divida as informações em tópicos para facilitar a visualização, e faça uma revisão criteriosa para evitar erros de português ou de digitação.

2. Tenha atenção à sua postura profissional

Ainda que você seja estudante, ao começar a procurar seu primeiro estágio, tenha em mente que sua postura deve ser de profissional. Isso está relacionado com o compromisso assumido, a pontualidade em entrevistas e outras etapas do processo seletivo, a forma de se vestir e de tratar as pessoas, entre outros fatores.

O mercado enxergará com melhores olhos aqueles que entendem que são estudantes, mas que já sabem agir como profissionais.

Nesse sentido, outra recomendação é cuidar da sua postura e da sua reputação nas redes sociais. Alguns recrutadores podem avaliar seu comportamento no ambiente virtual para confirmar informações do currículo e identificar seu perfil profissional.

3. Escolha o melhor período para começar a busca

Como comentamos no início do texto, há cursos que permitem estagiar desde o primeiro ano. Se esse for o seu caso, vale a pena começar desde já sua busca.

Quanto antes iniciar, mais experiência terá acumulado no decorrer da faculdade, o que será benéfico para sua carreira.

Ser flexível com o período de estudo também é uma característica relevante e pode resultar em mais oportunidades. Às vezes, a vaga de estágio que você deseja não é compatível com o horário da aula. Se isso acontecer, avalie as vantagens para sua carreira e encare a mudança de turno de forma positiva.

Além disso, pode ser que você não encontre logo de cara o estágio dos seus sonhos. Mas, se surgir uma oportunidade que esteja dentro do seu perfil, vale tentar! O aprendizado será significativo para sua carreira e para futuras oportunidades.

Entretanto, não envie os currículos de forma aleatória. Procure focar suas energias em oportunidades que estejam de acordo com seu perfil e formação para aumentar as chances de conquistar a vaga.

4. Realize cursos e atividades extracurriculares

Os cursos e atividades extracurriculares podem representar um diferencial em seu currículo, especialmente se você não tiver experiência profissional. Sendo assim, aproveite o tempo livre para, por exemplo:

  • fazer cursos de atualização;
  • aprender a utilizar softwares necessários para sua profissão;
  • aprender (ou aperfeiçoar) um segundo idioma;
  • participar de workshops e palestras.

O que também contribui com a busca pelo primeiro estágio é desenvolver certas habilidades. Temas como liderança, gestão de negócio, empreendedorismo e comunicação são positivos para muitas profissões.

5. Busque vagas em diferentes locais

Atualmente, há diversas possibilidades para buscar uma vaga de estágio. As universidades, geralmente, contam com um mural de vagas. Além disso, há sites de emprego que apresentam algumas vagas na área e sites específicos para estagiários, que estão repletos de oportunidades.

Redes sociais, como o LinkedIn, são úteis para quem busca o primeiro estágio. Por isso, mantenha seu perfil atualizado nesses canais.

Conversar com seus amigos e familiares sobre a busca por um estágio é outra atitude positiva. Eles podem saber sobre alguma vaga aberta e avisar a você.

6. Faça networking

O networking é excelente para abrir portas. Participar de eventos sobre sua profissão, conhecer pessoas da área, conversar com professores, colegas de sala e alunos de outras turmas são formas de ampliar sua rede de contato e demonstrar suas competências profissionais.

O LinkedIn também é uma ferramenta interessante para isso. Por lá, você pode se conectar com profissionais em diversos cargos, se informar sobre a área, compartilhar conteúdos etc.. Entretanto, é importante seguir as boas práticas da rede e evitar adicionar pessoas que não conhece só para aumentar o número de contatos.

7. Participe de eventos para estudantes

As feiras, as palestras, os congressos e outros eventos para estudantes podem ser mais produtivos do que você imagina. Ao participar deles, é possível fortalecer seu networking, atualizar os conhecimentos sobre a sua área e, quem sabe, encontrar oportunidades de estágio.

Algumas instituições organizam eventos desse tipo para conectar empresas e estudantes de um jeito mais rápido e prático.

8. Faça trabalhos como freelancer

Uma das dificuldades de quem está em busca do primeiro estágio é a falta de experiência. Então, realizar trabalhos como freelancer em sua área de formação pode se tornar um diferencial em seu currículo.

Além de fornecerem certa experiência de trabalho, essas atividades contribuem para o desenvolvimento de habilidades significativas como:

  • organização;
  • trabalho em equipe;
  • gestão de tempo;
  • comunicação;
  • negociação.

Entretanto, não minta sobre seu histórico profissional. Se você não tiver experiências na área, fale somente sobre suas conquistas acadêmicas e atividades com voluntariado.

9. Mantenha o foco em sua busca

É comum haver algumas respostas negativas durante a sua busca pelo primeiro estágio. Afinal, geralmente, há uma grande concorrência pela vaga.

Ninguém gosta de passar por diversas etapas do processo seletivo e não conquistar a posição. Porém, é fundamental manter o foco e o otimismo. Com tranquilidade e paciência, você conseguirá conquistar uma oportunidade.

Essas são as principais dicas para conseguir o primeiro estágio. Essa experiência profissional fará a diferença na sua carreira. Por isso, monte um bom currículo, invista em diferenciais e prepare-se para as etapas do processo seletivo. Dessa forma, você conseguirá manter a tranquilidade e demonstrar seu potencial para a vaga.

Achou o texto interessante? Quer conferir outras dicas para sua carreira? Siga a gente no Facebook e no LinkedIn e acompanhe as próximas publicações!

Powered by Rock Convert